Geração de Energia Elétrica_

A geração é o segmento da indústria de eletricidade responsável por produzir energia elétrica (como uma fábrica) e injetá-la nos sistemas de transporte (transmissão e distribuição) para que chegue aos consumidores. Especificamente no Brasil, o segmento de geração é bastante pulverizado, atualmente contando, segundo dados da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), com 4.921 empreendimentos geradores em operação.

A maioria desses empreendimentos, 3.001, são usinas termelétricas de médio porte, movidas a gás natural, biomassa, óleo diesel, óleo combustível e carvão mineral. Apesar disso, praticamente 72% da capacidade instalada no país, e 70% da energia gerada, são de origem hidrelétrica e limpa, contando com 218 Usinas Hidrelétricas (UHEs), 429 Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCHs), 671 Centrais Geradoras Hidrelétricas (CGHs), 510 Eólicas (EOLs) e 89 Centrais Geradoras Fotovoltaicas (UFVs).

O segmento de geração era considerado um segmento competitivo no Brasil até 2012, pois a maioria absoluta dos geradores eram livres para negociar seus preços, seja diretamente com consumidores livres – consumidor livre é aquele que pode escolher o seu fornecedor de energia – seja por meio de leilões regulados. A partir de 2013, muitas usinas hidroelétricas antigas passaram a ter seus preços controlados pela ANEEL, pois essa foi a condição para a renovação antecipada de seus contratos de concessão. A partir desse fato, a competição passou a ocorrer somente na expansão do parque gerador, como ocorre na transmissão, e não mais na energia existente.

Fonte: Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL)